o Platô de Neópolis

No Platô de Neópolis a Cohidro é a empresa estatal a quem pertence o patrimônio utilizado pelos 40 concessionários e desempenha a função fiscalizatória. As empresas concessionadas entre si administram o funcionamento da infraestrutura de 50 km de canais, quatro estações de bombeamento e 54 reservatórios abastecidos pela água do Rio São Francisco. Juntos produzem 570 mil toneladas anuais de produtos agrícolas e geram 5.600 empregos e permanentes. Antes do surgimento do platô, a área de 10.312 hectares só era explorada com a a monocultura da cana e de sequeiro, oferecendo menos de 1.000 postos de trabalho

Estrutura administrada pela Associação dos Concessionários do Distrito de Irrigação de Neópolis (Ascondir), que possuem a concessão pública para cultivar a terra e operar o sistema. A Cohidro, através da Gerência de Contratos de Concessão, realiza visitas técnicas para fiscalizar o cumprimento dos contratos junto às empresas, verifica o desenvolvimento dos lotes, inspeciona a infraestrutura física do distrito de irrigação, e ainda averigua o nível de preservação das Áreas de Proteção Permanente (APP) em cada lote.

 

 

Atualizado em