[fotos] Cohidro realiza campanha Novembro Azul em unidades da capital e interior

postado em: Servidores | 0
Distribuição das fitas azuis gerou sessão de fotos dos apoiadores à campanha

Chegou o mês de falar da ‘saúde do homem’ na Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro). O Novembro Azul – campanha mundialmente executada para a prevenção do câncer de próstata e outras doenças que acometem com mais frequência a parcela masculina da população – começou oficialmente no dia 06, com a distribuição dos laços de fita da cor azul para os funcionários. O uso do adereço simboliza o apoio individual para incentivar ao homem a ter o autocuidado com a sua saúde e complementa a colocação de cartazes e avisos nos murais e banheiros da empresa. Também, na segunda-feira (09) os homens foram recebidos na Sala de Reunião para Orientação Educativa sobre a Saúde do Homem, com aferição de pressão arterial e verificação de peso com cálculo do IMC (índice de massa corporal). Essa programação será repetida no dia 23, das 7h30 às 10h30.

“O nosso intuito é dar continuidade as atividades desenvolvidas nos meses de setembro (amarelo) e outubro (rosa) na empresa, apostando que essa ferramenta possa contribuir para o bem-estar e a qualidade de vida dos trabalhadores da Cohidro. É preciso falar sobre isso, conscientizar e compartilhar cada vez mais informações. A campanha ‘HOMENS, é tempo de cuidar da saúde’ tem como objetivo passar aos homens da empresa a mensagem de que é importante prestar atenção no próprio corpo, chamar a atenção para a adoção de um estilo de vida mais saudável, com a prática de atividades físicas e boa alimentação para evitar doenças, principalmente neste momento por conta da pandemia de Covid-19”, considerou Eline Azevedo, assistente social da Divisão de Bem-Estar Social da Cohidro (Dibem).

Segundo o diretor-presidente da Cohidro, Paulo Sobral, a intenção é de que a campanha de conscientização dure todo o mês, através das mensagens, fitas azuis e encontros. “Providenciamos meios para que todo este material disponibilizado na sede da empresa chegue aos perímetros irrigados. Todas essas campanhas de saúde realizadas, principalmente as de setembro a dezembro, têm foco no perfil dos nossos funcionários e contribuem muito para que a saúde deles seja preservada. É compromisso de toda instituição se ater a saúde de seus colaboradores, seja na execução dos trabalhos, seja em seu dia a dia”, considera. A empresa, atenta ao Convid-19, tem feito a prevenção durante as atividades da campanha. “Os eventos educativos são reduzidos a grupos de cinco funcionários, a fim de evitar a aglomeração de pessoas como prevenção à pandemia do coronavírus”, justifica Paulo Sobral.

Fazer os exames periódicos, preventivamente, facilita a cura das doenças do homem, é como pensa o auxiliar administrativo Carlos Alberto da Silva, da Gerência de Tecnologia da Informação da Cohidro (GETEC). “O novembro azul é importante por ajudar na prevenção das doenças, porque quando descobrimos no começo, é muito mais fácil de curar e por isso aconselho todo mundo a fazer. Eu mesmo faço sempre todos os exames, anualmente. Tenho muito cautela e o homem precisa passar por cima do orgulho de se sentir constrangido para se cuidar. Quem quer chegar à velhice com saúde, precisa se cuidar e fazer todos os exames necessários”, alertou. O maior aliado à cura do câncer de próstata, segundo os médicos, ainda é a prevenção através dos exames feitos ou prescritos por um urologista.

Auxiliar administrativo na Gerência de Perfuração de Poços da Cohidro (Geperf), Paulo Silva acredita que o homem precisa abandonar o conceito ultrapassado de que ele é mais resistente às doenças e se cuidar. Para ele, o Novembro Azul serve para alertar a parcela masculina disso. “Todos os homens deveriam se preocupar em se cuidar. Mês passado tivemos o Outubro Rosa, para prevenção das mulheres que ao contrário dos homens, se cuidam mais. Acho que o homem precisa acabar com esse tabu, fazer os exames periódicos de forma correta, para evitar coisas piores no futuro, não só no Novembro Azul, mas no ano todo, aprendendo dar valor a vida”, avalia o servidor que esteve presente ao Orientação Educativa organizada pelo pessoal da Dibem e Sala do Trabalhador da Cohidro. Nesses setores atuam, além de Eline, os estagiários Gildeon Maciel (Nutrição), Rafaela Menezes (Enfermagem) e Robson Liberato (Enfermagem).

Atualizado em