Iniciativa da Secretaria de Estado Inclusão e Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh), as Feiras da Agricultura Familiar tem como objetivo principal o fortalecimento da agricultura familiar, através do apoio à comercialização, com o produtor vendendo seus produtos diretamente ao consumidor, criando frentes de venda para o escoamento da produção. A Cohidro contribui com a viabilização das Feiras através do fornecimento de irrigação e assistência técnica aos agricultores-feirantes alocados em seus perímetros irrigados.

Hoje existem Feiras da Agricultura Familiar – organizadas pelo Governo do Estado – em Boquim, Lagarto, Ribeirópolis, Neópolis, Nossa Senhora da Glória, Estância e Indiaroba, além da capital Aracaju, que quinzenalmente oferecem hortifrutigranjeiros frescos e de procedência assistida pelos órgãos estaduais que contribuem com o programa. Dentre elas está a Cohidro, que faz, além do controle do uso de agroquímicos nas plantações, o incentivo aos seus irrigantes a praticarem métodos agroecológicos de cultivo.

 

Feiras agroecológicas

A Feira da Agricultura Familiar de Aracaju é de base agroecológica e nisso contribuem incisivamente os agricultores orgânicos certificados que a Cohidro assiste com – além da água para irrigação – toda assistência técnica e orientação necessária para se produzir sem o emprego de agrotóxicos.

A Seides planeja, em convênio com a Prefeitura Municipal de Aracaju, instalar duas novas feiras na Cidade, estritamente reservada a comercialização de produtos orgânicos e conta com a contribuição participativa dos agricultores irrigantes pela Cohidro, pertencentes as Organizações de Controle Social (OCS) que são certificados à produção e comercialização de produtos orgânicos, por venda direta ao consumidor.