Delegação de Sergipe participa do VII Encontro Nacional do Programa Água Doce

A geóloga da Cohidro, Maria Auxiliadora integra a delegação de Sergipe, que participa do VII Encontro Nacional do Programa Água Doce  Fotos: Ascom/Semarh

O evento acontece de terça, dia 5, a quinta-feira , dia 7, no Centro de Convenções de João Pessoa

A delegação de Sergipe, composta por técnicos da secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), Emdagro, Cohidro, Denocs, operadores e gestores das 29 comunidades beneficiadas, estão em João Pessoa (PB) para participar do VII Encontro Nacional do Programa Água Doce.

O evento acontece de terça, 05, a quinta-feira , 07, no Centro de Convenções de João Pessoa. Com o tema “O Papel dos Estados, Municípios e Comunidades na Gestão Compartilhada dos Sistemas de Dessalinização”, o encontro tem como objetivo relatar os avanços do programa em nível nacional e identificar, por meio do compartilhamento de informações de cada estado, o andamento dos programas regionais.
Na oportunidade, representando o secretário Olivier Chagas, o diretor financeiro da  secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), Marcelo Barberino, destacou a importância do programa que implanta um sistema de tratamento de água nas comunidades eleitas, promovendo assim não apenas a dessedentação animal, mas principalmente o abastecimento de água potável à comunidade, além da melhora nos índices de Índice de Desenvolvimento Humano local.
Água Doce
O Programa Água Doce é uma iniciativa do governo Federal, que conta com a parceria do governo do Estado de Sergipe, para a implantação, recuperação e o fornecimento de água de qualidade para um quarto da população rural do semiárido a partir da dessalinização das águas salobras e salinas.
O secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Olivier Chagas, explica que o programa tem como meta estabelecer uma política pública permanente de acesso à água de qualidade para o consumo humano por meio do aproveitamento sustentável de águas subterrâneas, incorporando cuidados ambientais e sociais na gestão de sistemas de dessalinização.
Segundo o Ministério do Meio Ambiente, foram diagnosticadas 3.145 comunidades em 298 dos municípios mais críticos quanto ao acesso à água no semiárido nordestino. Da meta de 1.200 sistemas de dessalinização, 508 já foram concluídos e estão em operação; 48 estão em fase de implantação em 170 municípios; e 742 estão com as obras contratadas. Até 2019, deverão ser beneficiadas 500 mil pessoas.

Em Sergipe, o programa está em fase de implantação. Ao todo, serão 33 comunidades beneficiadas com o sistema de dessalinização, sendo 25 na primeira etapa e oito na segunda. Os municípios contemplados pelo programa são: Monte Alegre, Tobias Barreto, Simão Dias, Canindé de São Francisco, Poço Verde e Carira.

Fonte: Ascom/Semarh

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter