Estudantes de Agronomia da UFS vão ao perímetro Califórnia via Projeto Opará

postado em: Perímetro Irrigado Califórnia | 0
Foto: Arquivo Pessoal

Estudantes de Engenharia Agronômica da UFS visitaram o Perímetro Irrigado Califórnia, em Canindé de São Francisco, na última quinta-feira. Conheceram os campos experimentais de uva e pera. Para tanto, foram guiados pelo técnico agrícola da Cohidro Joaquim Ribeiro. A atividade acadêmica, além de uma aula prática aos estudantes, também fazia parte do Projeto Opará: Águas do São Francisco, quem tem o vizinho perímetro Jacaré-Curituba, administrado pela Codevasf, como área de atuação.

Foi realizada uma visita a estação de bombeamento EB-100 da Cohidro e os alunos tiveram a oportunidade de conhecer como funcionam os sistemas de bombeamento e distribuição para ambos os perímetros, vazão correspondente para cada perímetro e suas respectivas bombas hidráulicas. Depois disso, fizeram visitas a alguns lotes irrigados, onde foi apresentado as culturas recém implantadas em parceria entre Cohidro e Embrapa Semiárido.

Segundo o professor-doutor Antenor de Oliveira Aguiar Netto, que organizou a atividade, o objetivo era “proporcionar uma vivência prática dos manejos de irrigação adotados nos perímetros irrigados localizados na região semiárida do estado de Sergipe, identificar possíveis problemas e soluções”.

O Agrônomo João Marcos de Jesus Sales é membro do Opará e responsável monitoramento de pesquisas hídricas. Ele acompanhou na visita técnica como parte do estágio de docência. O projeto é patrocinado pela Petrobras através do Programa Petrobras Socioambiental. Suas ações são realizadas em parceria entre a Sociedade Socioambiental do Baixo São Francisco Canoa de Tolda e a UFS. O objetivo é promover a recuperação de áreas degradadas da Caatinga com atividades de restauração florestal, educação ambiental, monitoramento hídrico e pesquisas na região semiárida nos estados de Sergipe e Alagoas, na bacia hidrográfica do rio São Francisco, Jacaré e riacho Mato da Onça.