Governo inaugura sistema de abastecimento em Lagarto

Na oportunidade, o governador anunciou que no dia 6 de julho dará a ordem de serviço para  duplicação da autora do Piauitinga, que abastece a sede do município de Lagarto, e a reforma do estádio de futebol Paulo Barreto. As obras de duplicação da adutora vai atender uma antiga reivindicação da população que sofre com a deficiência no abastecimento de água
Foto: Andre Moreira (ASN)

Levar água e pavimentação de ruas para a população rural e urbana do município de Lagarto foi o compromisso do governador Belivaldo Chagas, nesta quinta-feira (21). A agenda teve início às 15h30, com a inauguração do Sistema Simplificado de Abastecimento de Água do povoado Saco Grande, beneficiando 588 pessoas. Em seguida, ele inaugurou a pavimentação de ruas do Conjunto Jardim Campo Novo e assinou ordem de serviço para pavimentação de outras ruas do próprio Campo Novo, além dos povoados Pau Grande, Mariquita e Rio Fundo. O investimento entregue e autorizado foi da ordem de R$ 3,112 milhões.

A dona de casa, dona Raimunda, em nome da comunidade, agradeceu ao governador Belivaldo Chagas a chegada da água no Saco Grande. “Íamos para o rio lavar roupa, pegar água em cisternas e açudes. Nunca tivemos esse prazer de ter água em nossa casa. Estou emocionada, chorando de alegria de ver chegar a água em nossa comunidade”, agradeceu emocionada.

Josefa Góis de Jesus, 21, destacou que a obra vai melhorar sua rotina. “Isso é tudo de bom. Era muito trabalho braçal para a gente ter água. Tínhamos que ir de carroça pegar água no brejo. Agora temos água na torneira de casa. É uma benção”, disse a dona de casa.

O agricultor João Vitorino dos Santos, 62, nasceu no povoado e sempre teve que buscar água longe da sua casa. O senhor ressaltou a facilidade promovida pelo governo do Estado. “É bom demais, isso aqui ficou ótimo. A gente sofria muito para pegar água, tinha que ir de carroça. Isso é qualidade de vida e cidadania. É uma vitória”.

O Sistema Simplificado de Abastecimento de Água do Povoado Saco Grande conta com adução e rede de distribuição, beneficiando 98 residências e 588 pessoas. Os investimentos foram de R$ 118.700,00, recursos oriundos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Funcep). Coube à Companhia de Recursos Hídricos de Sergipe (Cohidro) executar a implantação do sistema simplificado de abastecimento de água. O poço instalado tem 69 metros e uma vazão de 3.683 litros por hora. São 200 metros de adução e 2.280 metros de rede de distribuição.

Sandra Maria de Jesus, 35, tem uma mercearia na localidade e elogiou a iniciativa. “Acho fundamental essa ação. O povoado não tinha água. A gente tinha que ir buscar nos tanques. Lavar em rios. Se não tivermos água, não temos nada. Um dos privilégios que estava faltando. Água é vida. Trouxe qualidade de vida para a comunidade”, opinou.
O agricultor Roberto Menezes, 34, completou dizendo que a obra demonstra o respeito do governo com a população do Saco Grande. “Trazer água para a comunidade, para 163 famílias, resgata a cidadania e a dignidade das pessoas”.

Belivaldo se emocionou ao ouvir os agradecimentos da população com a chegada da água. Ele afirmou que acompanhou de perto a obra, apesar de saber da  competência da equipe da Cohidro. “Se tem uma obra que é importante, é a que leva água para as comunidades. Foram R$ 120 mil investidos para beneficiar 600 pessoas”, apontou ao dizer que foram instalados pontos de água nas 108 residências do povoado.

O presidente da Cohidro, Carlos Melo,  enfatizou a importância da obra para o povoado. “A água é o bem mais precioso que Deus deu. Aqui, o sistema tem rede encanada e um ponto de água dentro de cada casa. Nem todos os sistemas têm esse encanamento que chega nas casas”.

O vereador Alex Dentinho também agradeceu ao governador Belivaldo Chagas por instalar o sistema de água no povoado, reivindicação histórica da comunidade. O mesmo fez o deputado federal Fábio Reis ao agradecer ao governador por ter autorizado a execução da obra e parabenizar a comunidade que agora pode contar com água de qualidade dentro de suas casas.

A deputada Goretti Reis afirmou que é uma satisfação assistir a inauguração da chegada da água no povoado Saco Grande, antigo sonho da comunidade. “Essa é a forma correta de fazer política. Com sensibilidade e compromisso”, concluiu.

O ex-governador Jackson Barreto falou da sua felicidade ao participar desta festa para comunidade. “Água é saúde acima de tudo. Compreendo a alegria da comunidade. Ninguém consegue viver sem água”. Jackson lembrou que, graças ao seu trabalho em Brasília, conseguiu que o governo da ex-presidenta Dilma Rousseff autorizasse a liberação de R$ 80 milhões para a execução da obra de duplicação da rede de abastecimento da cidade de Lagarto. O ex-governador explicou que a rede de abastecimento atual foi feita quando o município tinha somente 50 mil habitantes. Lagarto hoje tem 100 mil habitantes. “Essas são  obras que vão ajudar a qualidade de vida do povo de Lagarto”, finalizou.

Fonte: Agência Sergipe de Notícias

Leia a matéria completa clicando aqui