Diretores recebem de Gilmar Carvalho demanda de poço em Indiaroba

O deputado estadual Gilmar Carvalho, acompanhado do vereador Renis Cardoso, de Indiaroba, esteve hoje pela manhã reunido com os diretores da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro) Jorge Kleber Soares Lima (presidente) e Paulo Henrique Machado Sobral (Infraestrutura Hídrica e Mecanização Agrícola). Como pauta do encontro, a queixa dos moradores do Povoado Muriçoca, em Indiaroba, pela qualidade da água que recebem e suas casas a partir de um poço perfurado na comunidade. Segundo eles, com alto teor de salinidade.

Jorge Keber garantiu que uma equipe da Cohidro irá avaliar o poço no povoado, se é ou não um poço em que a perfuração ocorreu sob a responsabilidade da empresa. Segundo Paulo Sobral, a companhia tem um poço perfurado na localidade em 1985, o qual tem uma vazão excelente (22.000 l/h), conforme constam os registros, que também informam que na análise físico-química da água a salinidade está dentro dos padrões da Organização Mundial da Saúde (OMS). O diretor completa que sem uma vistoria in loco do sistema de abastecimento, não é possível afirmar ser o mesmo, já que à época não havia o georreferenciamento dos poços quando perfurados, como passou a ocorrer na empresa desde 2011.

O presidente enfatizou que, mesmo que este poço utilizado pela comunidade não tenha sido perfurado pela Cohidro, será feito uma limpeza e o teste de vazão. Senão, outras soluções são possíveis para sanar a necessidade de água na povoação, desde a recuperação de poços desativados na mesma área ou até mesmo, em último caso, a perfuração de um novo. Mas havendo uma boa vazão no que atualmente serve a localidade valerá a pena pleitear, com a Secretária de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), pela instalação de um dessalinizador.

É a Semarh que no estado é responsável pelo programa federal ‘Água Doce’. Em Sergipe, serão implantados 33 sistemas de dessalinização. São 25 sistemas que disponibilizarão água potável com qualidade numa primeira etapa e oito na segunda etapa. Ao todo, serão 75 comunidades beneficiadas em 14 municípios, a partir de um investimento total de R$ 6.652.305,90, beneficiando 2.757 famílias. Até o presente, em todo o Estado já foram contempladas 2.170 famílias.

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter